BLOG

Residente!!! Qual é a relação com o Portal Anestesia?

11 Aug 2016

 

Sou Marília Camelo, médica formada pela Universidade Federal de Pernambuco e residente do segundo ano de anestesiologia do Complexo Hospitalar Municipal de São Bernardo do Campo, cuja coordenação é feita pelo doutor Eduardo Piccinini. Nesse espaço vou falar um pouco sobre o ponto de vista do residente de anestesiologia, nossas angústias, nossos desafios, nossos aprendizados e de como o Portal Anestesia colabora com o nosso crescimento e com a nossa formação enquanto especialistas.

 

Como todo residente, minha rotina começa muito cedo e, muitas vezes, só termina no dia seguinte, após 24 horas de plantão. Temos que ser muito eficientes quando o assunto é tempo e nem sempre é possível fazê-lo render da maneira como desejamos. Aulas, estágios, reuniões clínicas, plantões, vida particular, lazer, etc; é tanta coisa que no final das contas o que a gente acaba fazendo mesmo é dormir! Apesar da consciência de que estudar é preciso, nem sempre temos o estímulo necessário para chegar em casa depois de um plantão daqueles e estudar anestesia (e para aqueles leigos que acham que anestesia é só colocar o doente para dormir, sugiro que continuem acompanhando o nosso conteúdo. Em pouco tempo sei que mudarão de opinião).

 

No início do ano, fui convidada a colaborar com o projeto Portal Anestesia que surgia com um novo conceito de complementar: a formação teórica do residente de anestesiologia com aulas bem preparadas e conteúdo didático baseado nas maiores referências da especialidade. Confesso que no início fiquei um pouco assustada, mas rapidinho percebi que eu era uma privilegiada em poder participar disso tudo tão de perto. Poder assistir às aulas e ter acesso ao material teórico tem sido maravilhoso para minha formação e complementação de estudo. Além disso, tenho liberdade de opinar e oferecer minha visão de residente, de anestesiologista em formação, na elaboração das aulas e dos conteúdos programáticos.

 

O Portal parte do princípio de que o crescimento só vem quando construído em

conjunto, escutando e absorvendo as críticas e melhorando a cada dia. É claro que os nossos estágios na residência são fundamentais, mas de que adiantar aprender os procedimentos se não soubermos resolver as complicações que eles podem trazer? Aí está uma das razões pelas quais a complementação teórica é parte importante na formação do médico anestesista. Eu, como residente e futura anestesiologista, não dou bobeira e tento absorver cada parte do conteúdo preparado com tanto carinho e empenho pela equipe do Portal Anestesia.

 

Em breve trarei mais novidades e gostaria da participação de todos para saber um pouco mais da experiência de vocês.

 

Se você é residente e se identificou com meu artigo, envie-nos seu texto ou situação que queira compartilhar para que outros residentes possam aprender e trocar experiências por aqui!

 

 

Marília Camelo,

Residente de Anestesiologia e Colaboradora de Ensino do Portal Anestesia

contato@portalanestesia.com.br

Please reload

Newsletter

Cadastre seu e-mail para receber informações

e novidades

Posts Recentes

17 Aug 2018

Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
Logo Portal Anestesia

Ligue para nós

(11) 4902-3252

(11) 99843-8977

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco
  • Spotify - Círculo Branco

© 2019 MedMkt Treinamento