Carta para um

JOVEM

MÉDICO

Autor: Dr. Carlos Eduardo Martins

Tenha mais paciência com você. Você está apenas começando uma longa jornada. Medicina é uma profissão de tantas dificuldades e desafios e nós somos tão falíveis. Tudo tem seu tempo e você não consegue resolver todas as coisas. Tenha calma, pare um pouco e respire. Mas respire mesmo, profundamente. Sinta o ar enchendo seus pulmões, passando pelo seu corpo. É isto que alimenta suas células. Oxigênio vital.

Você jamais irá conseguir agradar a todos. É impossível. Aprenda a aceitar as coisas e as pessoas como elas são. Tudo, absolutamente tudo na vida é aprendizado. Os pacientes que cruzam nosso caminho são nossos professores, todos eles, uns mais outros menos, mas sempre podemos (e devemos) aprender com eles.

Nada é imutável, nada dura para sempre, seja algo bom ou ruim. Demoramos para entender isso e algumas pessoas nunca entendem. Tudo muda, passa e se transforma. As pessoas, as coisas, os dias e as estações. O Eterno é o transitório, porque tudo tem que seguir um caminho. Os caminhos são infinitos e estão todos, de um jeito ou de outro, interligados.

Você vai sofrer muitas derrotas, desilusões e sofrimento. Você vai ver a morte de perto. Não há como evitar isso. Essas coisas acontecem por algum motivo, que na maioria das vezes não entendemos. As dificuldades nos lapidam e nos tornam melhores se soubermos aprender com elas. Corrigir o rumo e seguir navegando. A vida é este imenso mar que nos leva. Cada onda e cada sopro do vento pode ser diferente. Não temos como saber. 

Não temos controle sobre muita coisa (a maioria delas!). Isso fica muito claro quando cuidamos da saúde de outras pessoas. Quem acha que consegue controlar tudo, cedo ou tarde vai dar com a cara no chão, é inevitável. Siga o rumo e aceite o fluxo. Teremos dias terríveis. Teremos dias maravilhosos e brilhantes. Faremos diagnósticos e outras vezes não vamos conseguir chegar a uma conclusão. Devemos ser gratos em igual medida nos dois casos. Os taoístas nos ensinam que não devemos considerar nada como certo e garantido. É uma maneira de viver em contentamento e de forma serena. Cada dia é um grande presente e é tudo que temos. O dia de hoje é o melhor dia e sempre será.

Perdoe-se! Aprendemos sempre que devemos perdoar os outros, mas esquecemos quase sempre de nos perdoar. Todos os erros que você já cometeu estão no passado e não há forma de modificá-los. Não se atenha a isso. Foram grandes lições também, não foram?

A vida não tem um manual de instruções. Sacuda a poeira e siga. Não esqueça que os médicos também podem adoecer!

Pare de vez em quando e aprecie as coisas. O lugar que você mora. As pessoas ao seu redor, os pacientes que você atende. Observe-os andando para lá e para cá com seus afazeres e a vida que segue. Apenas observe. Nada mais. Não é necessário emitir nenhum conceito ou rótulo. Use sua visão!

A vida tem muito mais a oferecer do que a correria e a busca das coisas, plantões, cursos e congressos, dinheiro e posses. Tudo isso vai ficar para trás um dia. Não somos o que temos, o que vestimos, o carro que andamos. Somos em essência algo em constante evolução. Chame de alma, espírito ou qualquer outra coisa. Somos muito mais que a rude matéria.

Em resumo. A coisa mais importante que eu já aprendi, como médico e como humano, e que tenho a lhe dizer é que não tenha pressa. Tudo tem e acontece a seu tempo, quer nós queiramos ou não. Acho que isso deve nos guiar sempre e servir de bússola para estes caminhos da vida e da medicina. Como nos ensinam os monges:

O caminho é muito melhor do que a chegada.

Logo Portal Anestesia

Ligue para nós

(11) 4902-3252

(11) 99843-8977

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • YouTube - Círculo Branco
  • Spotify - Círculo Branco

© 2019 MedMkt Treinamento